|
November 6, 2015
|

User experience: qual a sua importância para os aplicativos?

Desenvolver aplicativos não é algo solto. O processo de desenvolvimento conta com várias etapas: a programação, o design, os testes. O objetivo dessas fases é fazer o app da melhor forma possível, seguindo boas práticas de programação, respeitando aspectos do design e realizando testes para validar seu funcionamento.

Mas nada disso tem tanta importância sem user experience. O que a gente quer dizer com isso? Que a experiência de uso dos seus usuários pode determinar o sucesso ou o fracasso de um aplicativo. Dentro da área de usabilidade, user experience trata da forma como os usuários reagem ao utilizar o aplicativo: quais são seus sentimentos, sua desenvoltura, suas reações.

Apesar de parecer uma área simples à primeira vista, a experiência de uso é uma das coisas mais impactantes de um aplicativo atualmente. Não acredita? Listamos alguns aspectos atrelados a user experience que podem fazer toda a diferença nos seus próximos aplicativos!

O que é user experience?

A experiência de uso é composta por todas as reações do usuário ao interagir com um aplicativo. Em outras palavras, são as dificuldades, as facilidades, as dúvidas e todas as outras respostas que podem ajudar a descobrir problemas ou sugestões de melhorias para o app.

A user experience vai do momento em que o usuário clica no ícone do aplicativo até a hora em que ele o encerra. Todas as atividades que ele tenta realizar no app, as notificações que ele recebe e até mesmo os poucos segundos entre um clique e uma resposta contribuem para a qualidade das reações dos usuários.

Em um cenário ideal, os testes de user experience devem ser feitos com um grupo misto de usuários para que esse diagnóstico possa ser identificado antes do lançamento oficial do app. Assim, possíveis melhorias ou prováveis problemas de usabilidade podem ser solucionados sem que o aplicativo seja disponibilizado para o público ainda.

Qual é a sua importância para os aplicativos?

Atualmente, é muito improvável que um aplicativo não possua concorrentes, independente de qual seja seu segmento. Desde um simples bloco de notas até um editor complexo de vídeos, o usuário pode escolher entre dezenas ou centenas de apps capazes de realizar a mesma função.

Se existem tantos aplicativos que têm as mesmas funcionalidades, o que motiva a escolha do usuário? A resposta é uma só: user experience. É ela que define se um aplicativo é ou não é o melhor para aquilo que está se propondo.

Além disso, basta apenas uma experiência negativa para que o usuário nunca mais utilize um aplicativo. Na primeira vez em que as pessoas executam seu aplicativo, elas constroem um conceito sobre ele, levando em consideração uma única experiência que pode durar apenas alguns minutos.

E, após essa rápida experiência, elas já decidem se voltarão ou não a executá-lo. Por esse motivo, é determinante que seus usuários possuam uma experiência positiva desde o início para que continuem utilizando o seu app e não mudem para o do concorrente.

Como proporcionar uma user experience positiva?

Existem alguns critérios de usabilidade que ajudam você a proporcionar uma experiência positiva para seus usuários. Destacamos algumas principais:

Facilidade de aprendizado

Seu aplicativo precisa ser intuitivo. Seus usuários precisam entender sua mecânica de forma fácil e rápida. Se ao instalar seu app, seu usuário precisou receber um manual de instruções, quer dizer que sua estrutura não deve ser tão amigável assim. Concorda?

Interação do aplicativo

Interação é como o aplicativo se comunica com o usuário. Normalmente, ela acontece por meio de mensagens internas durante o seu uso e alertas de notificação quando o aplicativo está executando em segundo plano. Estas ações não podem ser invasivas ou inconvenientes.

Tempo de resposta

Aplicativos dinâmicos e de rápida resposta são aqueles que fazem sucesso. Seu usuário não quer perder tempo esperando o clique de um botão, a exibição de uma imagem ou o carregamento de uma página.

Uma preocupação que influencia nestes três aspectos é o design. A comunicação visual do seu aplicativo também influencia a experiência de uso, como por exemplo, a combinação de cores, o tamanho das imagens, o tipo de fonte, o formato dos botões etc.

Como evitar uma user experience negativa?

Da mesma forma, existem alguns fatores que podem gerar uma experiência negativa para os usuários. Citamos alguns pontos que devem ser evitados:

Travamentos de tela

Com a evolução das ferramentas de desenvolvimento de aplicativos, os desenvolvedores têm recursos suficientes para construírem uma programação estável. Dessa forma, o aplicativo não deve travar. A escolha de boas plataformas de desenvolvimento, como por exemplo, a TotalCross, é fundamental para apps de qualidade.

Falhas de software

A falta de testes pode deixar passar algum defeito no aplicativo. O constante monitoramento das funcionalidades do seu app é essencial para reparar estes erros. Falhas em formulários de cadastro, botões que não executam suas funções, erros de programação são exemplos de problemas que deixam os usuários frustrados. O ideal é corrigi-los imediatamente.

Comunicação

O inglês pode até ser uma língua muito falada pelo mundo, mas, se você procura alcançar os milhões de usuários brasileiros, deve fazer uma versão do seu aplicativo em português. Mas cuidado! Não deixe erros gramaticais passarem, ok? Eles minam a confiança dos usuários no app. E lembre-se de utilizar uma linguagem adequada em seu aplicativo, levando em consideração o seu público-alvo.

User experience é fundamental

User experience é, sem dúvida, extremamente importante para os aplicativos. Ela está presente desde às funcionalidades do app até os sentimentos gerados nos usuários. Por meio dela, seu aplicativo se torna mais competitivo a cada dia.

Dentre todas as opções, usuários geralmente optam pela que for mais amigável. Se o seu aplicativo for capaz de cumprir o esperado e, além disso, deixar o usuário confortável e seguro nos primeiros cinco minutos, é sinal que a user experience está no ponto certo!

Assim como aconteceu com o design em uma época, a experiência de uso ainda precisa de mais atenção por parte dos desenvolvedores. Não basta construir um aplicativo que funcione. Ele precisa ser bonito, intuitivo, leve, estável e agradar o maior número possível de usuários.

Dessa forma, as chances de alcançar o seu público e deixá-lo satisfeito podem significar mais vendas para a sua empresa e mais usuários para o seu aplicativo.

E você, já utiliza as boas práticas? Se tiver ficado alguma dúvida, deixe o seu comentário por aqui que nós te ajudaremos a entender, combinado?

Comments

More articles

Afinal, é possível criar app sem saber programação?

November 16, 2018

Como transformar um website em aplicativo?

November 14, 2018

Aplicativos: O que conhecer antes de criar um

November 13, 2018

É possível instalar aplicativos Android no Windows?

November 9, 2018