|
September 12, 2018
|

Como usar o Java para criar aplicativos multiplataforma?

Usando Java para desenvolver multiplataforma

Os aplicativos híbridos permitem que se alcance em um único processo de desenvolvimento um produto compatível com diversos sistemas operacionais. Também conhecidos por Cross Plataform, estes apps podem ser criados com ajuda de frameworks. Estes irão trabalhar com linguagens suportadas pelas plataformas de destino. Dentre estes códigos temos a possibilidade de programar ferramentas mobile em Java. Superando 9 milhões de utilizadores no mundo, sua incidência no ambiente corporativo chega a 97% dos desktops. Vamos entender ao longo deste texto como usar o Java para criar aplicativos multiplataforma.

Esta linguagem é conhecida pela sua versatilidade, sendo útil para construir desde soluções voltadas para escritório, até games. Estão entre as suas características a portabilidade e a independência. Não por acaso o slogan da Sun Microsystems, criadora da linguagem Java, é “escreva uma vez, execute em qualquer lugar”. Vale lembrar que esta é uma ferramenta que apresenta o código aberto. O que significa que ao escrever em Java você não precisa desembolsar um valor extra para licenciamento. Ficou interessado? Aproveite para conferir então 11 razões para aprender a programar em Java.

E com relação ao Cross Plataform? Seja para reduzir custos ou o tempo total para criação do seu produto, vale a pena considerar os aplicativos multiplataforma. Sabemos que o Android ainda é o SO mais utilizado no mundo. No entanto, desconsiderar a faixa de usuários representados por iOS e Windows Phone é diminuir o alcance do seu app. Especialmente quando falamos de uma solução que pode funcionar para além dos territórios nacionais este é um cuidado relevante. Afinal, países como os Estados Unidos possuem um equilíbrio entre o número de usuários dos dois principais sistemas do mercado.

Java para criar aplicativos multiplataforma

Há dois caminhos possíveis para quem pretende utilizar Java para criar aplicativos multiplataforma. A primeira possibilidade é empregar a linguagem pura durante o seu trabalho. Neste caso é preciso baixar o Java Development Kit, ou JDK. As versões disponíveis para diferentes sistemas operacionais podem ser encontradas aqui. Em seguida é preciso utilizar o Android Studio, para o sistema homônimo, ou o Xcode para iOS.

O código-fonte da aplicação será partilhado por ambas as versões. Isto ajuda a manter padrão, identidade e experiência do usuário em todas as plataformas almejadas. Assim, quando houver necessidade de melhor adaptação para o sistema de destino, poucos ajustes serão necessários. Vale lembrar ainda que, como o próprio Java pode funcionar enquanto plataforma, alguns recursos nativos podem ser empregados. Pense em aplicativos como WhatsApp, Uber ou Netflix. Todos são Cross Plataform, e mesmo assim otimizados para cada sistema onde rodam.

A segundo possibilidade na utilização de Java para criar aplicativos multiplataforma é recorrer à utilização de wrappers e frameworks. Os wrappers servem para facilitar a programação, sendo recursos que ativam ou adaptam funções de programação. Já o framework é como uma caixa de ferramentas à disposição do desenvolvedor para resolver e testar aplicações de forma simplificada. Há diversas plataformas deste gênero que ajudam as empresas a trabalhar com um único código-fonte e equipes enxutas. Um exemplo é o Totalcross que permite desenvolvimento para iPhone, Android, Windows Phone 8, Windows Desktop e Linux.

Conheça a plataforma Totalcross

Recapitulando: ao utilizar Java para criar aplicativos multiplataforma é possível investir na linguagem pura ou recorrer aos frameworks. É importante ressaltar mais uma vez o valor dos aplicativos Cross Plataform antes de encerrar nosso artigo. Afinal, eles ajudam a contornar problemas de custo e aumentam o alcance do seu app.

A sua empresa pretende investir em aplicativos para melhorar a presença no mercado? Vale conhecer então a nossa plataforma de desenvolvimento. A Totalcross oferece uma ferramenta que permite a criação de apps móveis com alto grau de portabilidade. Para maiores informações, acesse a nossa página.

Comments

More articles

X dicas para você criar uma estratégia de mobile marketing infalível

November 20, 2018

Pesquisa de mercado: Por que ela é importante para o desenvolvimento de apps?

November 19, 2018

Afinal, é possível criar app sem saber programação?

November 16, 2018

Como transformar um website em aplicativo?

November 14, 2018