|
August 9, 2018
|

6 dicas para quem está iniciando no Desenvolvimento iOS

Desenvolvimento iOSA App Store é uma verdadeira mina de ouro. São milhões de usuários no Brasil e no mundo, que estão em um sistema controlado, seguro e que oferece diversos recursos para facilitar a criação de aplicativos. Apesar disso, trabalhar no iOS não é tão simples. Portanto, vamos ver seis dicas para quem está iniciando o desenvolvimento iOS.

1 – Conheça as diretrizes da Apple

A Apple avalia todos os aplicativos que entram na sua loja de acordo com as suas diretrizes. Por isso, antes de começar a desenvolver, leia bem esse guia com atenção, para saber o que o seu app pode – e deve – ter ou não ter.

Isso pode poupar muito tempo e dor de cabeça, especialmente se o projeto não for aprovado por algo que poderia ser facilmente contornado.

A Apple se preocupa especialmente com usabilidade e design. Então, atenção redobrada quando se trata desses dois conceitos.

2 – Mergulhe fundo no ambiente

Existem diversos modelos, e diversas opções, mas ter um Mac certamente ajuda muito. Isso porque ele já vem com um ambiente de desenvolvimento integrado, o Xcode, e você irá precisar dele para desenvolver em código nativo.

Além disso, se cadastrar no Apple Developer Program é uma ótima ideia. Apesar de não ser mais necessário ter uma conta de desenvolvedor para ter o app na loja, ele traz diversos benefícios, como acesso ao kit de desenvolvimento, que é ótimo para quem está começando, e ainda ótimas fontes de informação, como a documentação oficial, códigos de exemplo e o fórum.

3 – Fique atento a versão do iOS

A Apple está sempre lançando novas versões do seu sistema operacional, e as anteriores deixam de funcionar conforme o avançar do tempo. Por isso, para quem está começando a desenvolver é uma boa ideia estar sempre de olho nas mudanças.

Evidentemente, as versões mais novas são as mais populosas, e ocasionalmente, as anteriores podem ser ignoradas. A própria Apple disponibiliza informações em relação ao número de usuários por versão, o que pode ser útil para dar uma ideia.

Além disso, certas mudanças podem trazer grandes diferenças, mesmo entre versões próximas. Então, é preciso ficar sempre atento ao que a empresa da Califórnia está planejando.

4 – A linguagem

A Swift, a linguagem de programação que surgiu para substituir o Objective-C, tem apenas quatro anos no mercado, mas já é uma das 10 maiores linguagens do mundo. E não é para menos, afinal, ela é a principal linguagem de para o iOS.

Existe ainda as Linguagens multiplataforma, como o Totalcross, que utilizando Java distribuí aplicações tanto para o iOS quanto para android, winCE, desktop e coletetores. Além disso conserva a performance da aplicação e permite que você programe para iOS sem precisar de um MAC. 

5 – A interface

Como dito acima, a interface é um dos aspectos fundamentais do App, portanto, merece um cuidado extra.

Podem ser usados storyboards, que são uma espécie de representação visual do fluxo do aplicativo. É uma ótima opção para times pequenos, que podem sincronizar melhor.

A outra opção é o Xib, que é um pouco mais complexa, mas permite uma maior personalização, pois trabalha mais diretamente com o código.

Para quem está começando, aprender com o storyboards é um ótimo ponto de partida.

6 – Aprenda tudo

São vários componentes e recursos para o desenvolvimento em iOS. Então, além das dicas básicas, a mais importante é: pesquise muito e conheça bem todos os principais componentes.

A TotalCross é uma plataforma que permite o desenvolvimento multiplataforma, tanto para Android, como para iOS. Com ele, você tem a liberdade para usar qualquer IDE ou sistema operacional, e não precisa nem ter um Mac para desenvolver para a App Store. Acesse o site para entender como o sistema funciona, além de conferir alguns exemplos e cases de sucesso.

Comments

More articles

X dicas para você criar uma estratégia de mobile marketing infalível

November 20, 2018

Afinal, é possível criar app sem saber programação?

November 16, 2018

Como transformar um website em aplicativo?

November 14, 2018

Aplicativos: O que conhecer antes de criar um

November 13, 2018